A medalha de prata de Rayssa Leal — a Fadinha, para o skate street brasileiro, nas Olimpíadas de Tóquio, uniu todos os brasileiros nessa manhã de segunda-feira. A atleta mais jovem da história do Brasil a subir em um pódio nas Olimpíadas despertou dentro de todos nós a vontade de correr para uma pista de skate. Nossa capital tem várias, berço do campeão mundial Carlos de Andrade Piolho, e o Curitiba Cult preparou uma lista com cinco para você conhecer.

Pista do Gaúcho

A pista de skate inaugurada em 1974 foi a primeira em formato bowl de Curitiba e uma das primeiras pistas do Brasil. Em 2009, foi reformada e recebeu novo piso de granilite e novos obstáculos, e em 2014 recebeu nova pintura, do artista Olho Wodzynski. Localizada na Praça do Redentor, na região central da cidade, é cercada de bares e restaurantes e da tradicional e famosa Sorvetes Gaúcho.

Foto: Olho Wodzynski.

Onde: Praça do Redentor – São Francisco

Pista do Athletico 

Em frente à Arena da Baixada, no Água Verde, a pista localizada na Praça Afonso Botelho é do tipo plaza foi inaugurada em 2015, com 744 metros quadrados. A concepção do projeto contou com a participação de representantes dos skatistas, que declararam que a pista é referência e igual às encontradas no exterior. A obra complementou as melhorias realizadas para a Copa do Mundo de 2014, na praça inaugurada em 1972.

Foto: Ney Teixeira de Freitas.

Onde: Praça Afonso Botelho – Água Verde

Pista de Skate Ambiental

Localizada na esquina da Rua Itupava, no Alto da XV, a pista é uma das mais tradicionais de Curitiba e foi berço do campeão mundial de street skate profissional Carlos Piolho. Em região arborizada, fica próxima de vários bares e restaurantes. Em 2015, frequentadores da pista realizaram uma pequena reforma por conta própria.

Foto: Olho Wodzynski.

Onde: Rua Schiller, S/N esquina com a Rua Itupava- Alto da XV

Pista do Guaíra

A pista, inaugurada neste ano, é uma das maiores e mais modernas do país, com conceito de integração com a cidade, simulando obstáculos encontrados no ambiente urbano: degraus, meios-fios, desníveis, ruas. Os obstáculos dessa pista remetem a locais muito usados por skatistas, como a Praça da Sé (São Paulo), Praça XV (Rio de Janeiro), e o Macba (museu de Barcelona, Espanha).

Pista de skate da Wenceslau Braz

Onde: Av. Presidente Wenceslau Braz, 1206 – Guaíra

Curitiba Skate Park

A ex-pista de skate da Drop Dead reabriu em 2018, sem o patrocínio da marca, após dois anos fechada. Tradicional em Curitiba, é a maior pista particular da cidade. O ambiente é fechado e conta com 400 metros quadrados, além de lanchonete, loja, aulas de skate e colônia de férias.

Foto: Skatemind.

Onde: Travessa da Lapa, 231 – Centro

Horário: segunda a sábado das 14h às 21h