Pelo jeito o estilo de filme com temática mais adulta e voltado apenas para maiores de idade continuará rendendo frutos. Prova disto é Operação Red Sparrow, estreia da próxima semana e que vem chamando atenção. O longa é protagonizado pela queridinha de Hollywood Jennifer Lawrence, em mais uma atuação que foge do que estamos acostumados.

Após o sucesso um tanto controverso de ‘Mãe!’, Lawrence agora dá vida a uma sedutora espiã russa. Uma talentosa bailarina, Dominika Egorova aceita a missão de se tornar uma Sparrow, nome dado às mulheres espiãs treinadas arduamente para seduzir e matar. Considerada arma letal, ela acaba se envolvendo num caso amoroso com um agente da CIA (Joel Edgerton) durante uma missão.

Operação Red Sparrow é diretamente baseado no livro ‘Roleta Russa’, escrito por Jason Matthews. A adaptação e roteiro ficaram a cargo de Justin Haythe, do péssimo e recente ‘A Cura’. Já a direção é de um velho parceiro de Lawrence dos tempos de ‘Jogos Vorazes’: Francis Lawrence, responsável pelos últimos três longas da saga.

O filme vem sendo comparado com ‘Atômica’ de Charlize Theron, além de uma semelhança absurda da trama com a personagem Viúva Negra da Marvel. Tal falta de “originalidade” pode prejudicar Operação Red Sparrow, que espera atrair espectadores pelo excesso de cenas violentas e eróticas. Proposta que já foi recebida com proibição para menores ao redor do globo e censurado no Reino Unido, onde precisou sofrer cortes para se adequar à faixa etária para maiores de 15 anos. Entretanto, com o recente sucesso de obras no estilo, a expectativa do estúdio segue em alta.

Trailer – Operação Red Sparrow