Os últimos meses tem sido confusos, ocasionando vários sentimentos diferentes no mesmo minuto. Pensando nisso, o cantor Leo Fressato lançou nesta segunda-feira (08), a canção “Pandemia“, que tem uma visão poética que caminha entre a melancolia e o “bom humor”.

Agora, Fressato usa a solidão propiciada pela pandemia do COVID-19 para inspirar seu novo single. “A canção foi escrita na primeira semana de quarentena, em março. Eu estava pensando que seria indiferente estar ou não de quarentena. Porque não ia beijar ninguém mesmo. Aí comecei a rir sozinho quando pensei que a vingança silenciosa de quem foi ignorado pelo crush era de que a pessoa também não ia beijar ninguém. Me veio a brincadeira e achei que poderia ser bom descontrair, já que o momento em si já é tão triste e pesado, diante de tantas mortes”, revela Leo.

Com mais de 15 anos de carreira, o cantor e compositor brasiliense de nascença e curitibano de coração é um artista prolífico, marcado por canções que tratam de amor ou de sua ausência. Transformando sentimentos íntimos em performance, Leo ganhou notoriedade nacional com o hit “Oração”, d’A Banda Mais Bonita da Cidade, e com a faixa “Coisa Linda”, uma parceria com Tiago Iorc.