Geo se apresenta em Curitiba nesta sexta-feira em uma festa com discotecagem. Vinda de Santos, está entre os artistas brasileiros mais ouvidos do Spotify – não tinha grandes pretensões na música ao lançar covers em seu YouTube, mas o caminho estava traçado sem que ela soubesse. O sucesso foi tanto, que ela largou a carreira no escritório e se assumiu como cantora no começo deste ano.

Especializou-se no segmento, juntou um time de primeira, entendeu que cantar em português traria mais sinceridade e alcançaria mais pessoas e fez o que era necessário, sem perder sua essência. Ao contrário disso, assumiu seus sintetizadores e seu lado pop. Agora “Tipo Errado de Amor” e “Cetim” ultrapassam as 700 mil audições no streaming, resultando no convite para participação no projeto Caminhos da Música Brasileira de Maysa Monjardim ao lado de Arrigo Barnabé, Ná Ozzetti, Paula Lima, Sander Mecca, Thaíde, Thiago Pethit e Walter Franco.

Geo agora lança seu tão aguardado primeiro EP “Salva Vidas“, que chega não apenas como sua estreia, mas também como tradução da mulher que é em seu processo de ilusão e desilusão. Com cinco faixas inéditas, o EP traz ainda a participação especial do ator e cantor Thalles Cabral na música Boys R Mean, que conheceu no meio do caminho em 2015 e se identificou de cara.

O projeto visual do EP, com direção de arte e fotografia por Naira Mattia, também conta essa história. Naira, que vive em São Paulo, possui uma visão delicada e minimalista, ao mesmo tempo que consegue colocar em cada elemento a intensidade que a história retrata. O projeto gráfico traz a reconstrução de uma mulher que viveu tipos diferentes de amor e soube detalhá-los em canções que sufocam, mas fazem dançar. Além disso, cada música acompanha uma identidade visual própria, com surpresas que serão lançadas em suas redes sociais uma a uma.

Serviço – GEO em Curitiba

Quando: 22 de dezembro de 2017 (sexta-feira)

Onde: Ornitorrinco (Benjamin Constant, 400)

Horário: 20h

Quanto: R$ 12$ com nome no mural do evento (até às 16 horas do dia 22); na hora, R$ 15