Festival Internacional de Cinema de Berlim, também conhecido como Berlinale, é um dos festivais de cinema mais importantes da Europa e do mundo. A edição de 2018 aconteceu na última sexta-feira (28).

O documentário “Bixa Travesty“, dirigido pelos mineiros Kiko Goifman e Claudia Priscilla, levou o Prêmio Teddy de melhor documentário. O longa acompanha a trajetória de Linn da Quebrada. Veja o trailer oficial:

Bixa Travesty – Trailer Oficial

Muito prazer, eu sou a nova Eva. Filha das travas, obra das trevas. Vem aí, Bixa Travesty 🔥

Publicado por Linn da Quebrada em Sábado, 27 de janeiro de 2018

Outro filme brasileiro premiado foi o “Tinta Bruta“, que levou o troféu de melhor ficção. O longa, com direção de Márcio Reolon e Filipe Matzembacher, conta a história de Pedro (Shico Menegat), um jovem homossexual que tem problemas para se socializar, mas ganha dinheiro em fóruns da internet, através de performances eróticas.

Além disso, “O processo“, filme sobre o impeachment de Dilma Rousseff, dirigido por Maria Augusta Ramos, ficou em terceiro lugar pelo público, na mostra Panorama. A categoria é a principal programação paralela à competição principal.

Para finalizar a lista de brasileiros premiados, o documentário “Aeroporto Central” recebeu o prêmio e Anistia Internacional. A história relata o centro de apoio a refugiados instalado no antigo aeroporto de Tempelhof na capital alemã.  O filme é uma coprodução franco-alemã e foi dirigido pelo brasileiro Karim Aïnouz.