A versão brasileira da comédia “Urinal, o musical”, dirigida por Zé Henrique de Paula, tem 21 indicações a prêmios, entre eles o Shell e APCA. Com 16 atores e cinco músicos no elenco, o espetáculo, que faz parte da Mostra 2016 do Festival de Curitiba, aborda a escassez de água em uma cidade.

Uma seca de 20 anos (época conhecida como os Anos Fedidos) causa uma terrível falta de água, fazendo com que banheiros particulares deixem de existir. Toda a atividade sanitária da população é realizada em banheiros públicos controlados por uma megacorporação chamada Companhia da Boa Urina, comandada pelo ardiloso Patrãozinho. Para controlar o consumo de água, as pessoas devem pagar para usar essas dependências.

Há leis severas garantindo que o povo pague para fazer xixi, e se elas forem quebradas, o culpado é enviado para uma suposta colônia penal chamada “Urinal”, de onde os criminosos jamais retornam. Tudo caminha bem, até que o jovem Bonitão, incitado pela bela e radiante Luz, aprende a ouvir seu coração e inicia uma revolta popular que pode mudar o destino de todos.

A montagem tem como inspiração principal os cabarés alemães na primeira metade do século XX, especialmente da obra de Brecht e Weil.

A programação completa do Festival de Curitiba e informações das vendas de ingressos você pode conferir aqui.

Serviço – “Urinal, o musical” – Festival de Teatro

Quando: 26 e 27 de março de 2016 (sábado e domingo)

Onde: Ópera de Arame

Quanto: R$30 e R$70

Vendas: Site ou bilheterias oficiais do evento