Para comemorar quatro décadas de carreira, sete amigos se reunirão no mesmo palco para um show histórico repleto de grandes sucessos. Essa é a força do projeto que costura a trajetória de grandes talentos que fazem parte da história da música brasileira: Flávio Venturini, Sá & Guarabyra e 14 Bis. O “Meeting & Songs” promove no próximo dia 19 de agosto em Curitiba o show Encontro Marcado em única apresentação no palco do Teatro Positivo, às 21h15.

O público paranaense terá a oportunidade de ouvir e cantar junto com os ídolos reunidos as 28 canções clássicas que tocam mentes e corações. Um show com 100% de hits no repertório. Juntos, os artistas vão executar todos os seus clássicos como “Nascente”, “Me Faça um Favor”, “Planeta Sonho”, “Mestre Jonas”, “Céu de Santo Amaro”, “Noites com Sol”, “Linda Juventude”, “Dona”, “Primeira Canção da Estrada”, “O Pó da Estrada”, “Criaturas da Noite”, “Caçador de Mim”, “Espanhola”, “Sobradinho”, “Todo Azul do Mar”, “Nave de Prata” e “Canção da América” – única música do repertório que não é autoral, mas representa bem o momento entre amigos.

Além da turnê, que está percorrendo o Brasil, o projeto inclui também a gravação de um CD, já em fase de finalização, e um DVD ao vivo.

Encontro marcado

Há quem acredite que esse encontro já estava marcado há muitos anos, no início da década de 70, quando a nova dupla Sá & Guarabyra convidou o jovem Flávio Venturini para participar da gravação do primeiro disco lançado desde a saída do parceiro Zé Rodrix. “Nunca” promoveu o encontro de Flávio com O Terço, que se tornaria o embrião do 14 Bis com a formalização da parceria entre Flávio e Vermelho, em composições como Espaço Branco, gravada pelo O Terço para um festival de música.

“Quando eu estava começando a tocar fui para São Paulo ver meu irmão Flávio que já estava com o Sá e Guarabyra. Sá queria que eu fosse o guitarrista da banda, mas não me deixaram porque eu era muito novo, só tinha 14 anos. Só fiquei sabendo disso muitos anos depois!”, diverte-se Cláudio Venturini, ao perceber que Sá e Guarabyra foram, de fato, um elo de ligação entre os músicos que hoje fazem parte desse grande projeto de reencontro.

Repertório

O repertório é um clássico, mas também traz grandes novidades. Espanhola, composição de Flávio Venturini e Guarabyra, nunca foi executada ou gravada pelos dois juntos. “Essa música é emblemática na minha carreira, uma das mais antigas. Quando fundamos o 14 Bis ela fazia parte da fita demo que entregamos na EMI/Odeon. Foi imediatamente aceita pela gravadora, que contratou o grupo”, conta Flávio. “Espanhola foi a primeira música que fiz para o Flávio. Ele tinha acabado de se mudar para São Paulo quando me mostrou a composição. Escrevi a música de uma só vez, sem voltar uma palavra. Estava pensando nessa menina. A espanhola da música é real”, relembra Guarabyra.

O mesmo acontece com “Caçador de Mim”, composição de Sá e Sérgio Magrão, que também nunca foi gravada pelos autores juntos, ou “Criaturas da Noite”, de Sá e Flávio Venturini, e que só tem uma gravação feita pelo O Terço. “Sobradinho”, reconhecida pelo seu regionalismo ganha uma pegada mais rock com a base do 14 Bis. São propostas inteiramente novas para canções eternas no imaginário dos amantes da música brasileira.

SERVIÇO: MEETING & SONGS – ENCONTRO MARCADO – Flávio Venturini, Sá & Guarabyra e 14 Bis

Quando: 19 de agosto de 2016 (Sexta)

Onde: Teatro Positivo (R. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5.300)

Horário: 21h15

Ingressos: variam de R$68,00 (meia-entrada) a R$228,00 (inteira), de acordo com o setor

Vendas: Disk Ingressos

Foto: Paulo Ty