Boa parte desse Brasil está passando muito frio. E nós aqui de Curitiba somos experts nisso. Boatos que, se você gritar “tá frio” na frente de um espelho, aparece um curitibano falando “não, mas aqui em Curitiba sim” HAHAHA. Brincadeiras à parte, gente, para eu, que vim no Nordeste e nunca passei frio na vida (sim, isso mesmo que você leu), esse outono/inverno tem sido um pouco cruel; como tudo na vida são flores, temos que regá-las, obviamente, então fiz aqui uma pequena listinha de curiosidades sobre coisas que aprendemos ao morar numa cidade fria. Os curitibanos de plantão certamente a conhecem de ponta a ponta, mas, para quem veio de tão longe, vale o aprendizado de quem aprendeu a ser quente até mesmo quando faz sol e frio! Vem comigo.!

1 – SOL E FRIO

Dia de sol e frio no centro de Florianópolis tira os casacos do armário.

Nem sempre sol é sinônimo de calor e altas temperaturas. Uma coisa bastante frequente em uma cidade fria é acordar com o solzão e tcharaaaam… temperaturas baixíssimas (Curitiba faz isso sempre). Durante todo o dia, o sol faz seus belos ensaios, porém, aquele friozinho gostoso fica ali com a gente. Você vai passear pelas ruas num dia ensolarado e ver pessoas de casacos, botas, sobretudo, luvas etc. P.S: É incrivelmente bom.

2 – DOMINAR A ARTE DE USAR CAMADAS E MAIS CAMADAS DE ROUPA

portaldoholanda-622632-imagem-foto-amazonas

O que poderia ser extremamente elegante é algo que é mais do que necessário. Em muitos dos casos, será mais necessário do que elegante rsrsrs. É normal ver pessoas com 3 blusas, 2 calças, meias altas, gorro, luvas, cachecol e, se bobear, em cima disso tudo, um lindo xale. Pra quem curte se vestir bem, todo dia é dia. Morar no frio tende a te deixar mais elegante (e precavido).

3 – COMER COISAS QUENTES

00e033f6c3d5c43d0ea4e90745b2a3c4

Como tá frio, tende-se a querer consumir coisas quentes o tempo todo, já que boa parte do seu dia seu corpo vai sentir o vento gelado dando aquele abraço. Muito provavelmente seu consumo de chás, cafés, sopas, caldos e derivados vai aumentar. A parte gostosa disso tudo é que aquela canequinha quente (seja de café ou chocolate) vai nos trazer uma sensação gostosa de bem-estar e é algo que você vai amar tanto que vai querer todos os dias. O tempo todo.

4- CUIDADOS COM A PELE

Cuidados-com-a-pele-3

No frio, a tendência é que sua pele, por estar exposta ao vento gelado, venha sofrer algumas rachaduras por conta da sensibilidade, por isso é importante estar bastante agasalhado e usar hidratante no corpo inteiro. Os lábios, por serem uma região bastante sensível e estar muito exposta, precisam ser hidratados constantemente. Consumir bastante água ajuda.

5 – COMPORTAMENTO MUDA POR CONTA DO FRIO

sexo-abraço

Sabe aquele papo de que morar numa cidade fria te deixa mais fechado e introspectivo? É pura verdade. Da mesma forma que o calorão tende a nos deixar extremamente agitados, no frio geralmente ficamos mais calmos e silenciosos. Muitos ficam mais amorosos e carentes (?) e em alguns dias, tenha certeza, seu humor vai estar desenhando na sua testa “eu queria ficar na minha cama hoje”. Muitos tendem a ficar mais preguiçosos (como essa pessoa que vos escreve). Detalhe: a quantidade de abraços geralmente aumenta <3

6 – QUERER FICAR MAIS TEMPO EM CASA

netflix

Uma imagem vale mais que mil palavras, não é mesmo?

7- DAR IMPORTÂNCIA À PREVISÃO DO TEMPO

maxresdefault

Isso mesmo. Se você passou a vida inteira virando o rosto quando a garota do tempo entrava no jornal para falar como estaria o clima no dia seguinte, morar numa cidade fria te fará dar mais importância à previsão do tempo do que ao resto do noticiário. Acostume a entrar na internet todo dia (mais de uma vez por dia) para olhar a previsão torcendo para amanhã estar menos frio. Ou não.

8 – VIVE BEM MELHOR

dormirsozinho

Se dormir já é bom, imagine dormir no frio, gente? É a verdadeira prova de que morar no frio é viver bem melhor!

Tem alguma curiosidade sobre como é morar numa cidade fria? Compartilhe com a gente!