A experiência de visitação em uma mostra de arte contemporânea pode acontecer de múltiplas maneiras, seja sozinho ou acompanhado. Uma das formas de complementar essa experiência é buscar o apoio de profissionais da mediação, que fazem uma ponte entre artistas e público, aprofundando ainda mais uma visita ao museu. Pensando nisso, a Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Curitiba possui tradicionalmente um Projeto Educativo e, nesta edição, conta com uma equipe multidisciplinar de mediadores em duas de suas sedes: o Museu Oscar Niemeyer (MON) e o Museu Municipal de Arte (MuMA).

Os visitantes interessados em conhecer mais sobre os artistas, obras, curadorias e sobre a própria estrutura da Bienal podem buscar o Projeto Educativo, a fim de aprofundar a experiência de visitação. Confira algumas propostas de mediação promovidas nas exposições da Bienal no MON e no MuMA.

MON e MuMA: visitas mediadas diariamente 

Tanto no Museu Oscar Niemeyer quanto no MuMA, os visitantes podem buscar os mediadores da Bienal nas salas expositivas para uma mediação sem agendamento prévio. No MON, a Bienal tem exposições nas salas 01, 02, 04, 09 (onde temporariamente funciona o Museu de Arte Contemporânea do Paraná), 11, além dos três andares da Torre, Olho e espaço externo. Já no MuMA a Bienal se encontra no Centro de Artes Digitais e nas Salas Célia Lazarotto, Sala Domício Pedroso e Sala 01.

MON e MuMA: agendamento de visitas para grupos

Também é possível fazer o agendamento de visitas mediadas exclusivas para grupos corporativos, escolares, universitários ou grupos fechados em ambos os museus. Basta escrever para [email protected]

Visitas mediadas em horários fixos – MON

De terça a domingo, os mediadores da Bienal no MON organizam visitas com saídas em horários fixos, sempre às 11h, 14h30 e 16h. O ponto de encontro é o balcão de informações que fica logo após a entrada principal (próximo ao detector de metais da entrada). A visita passa por todas as salas da Bienal no MON.

Opere a Obra – MON 

Todas as terças e quintas de fevereiro, uma cópia da obra “Atalhos e Desvios” (exposta na sala 04 do MON) da artista Ana Vitória Mussi estará no Vão Externo do MON, em frente ao café e a bilheteria do museu, para que o público crie a montagem em seu próprio formato, com total liberdade criativa. “Atalhos e Desvios” é um jogo de percepção, pedindo atenção às suas imagens quase abstratas. Com auxílio dos mediadores, os visitantes terão a oportunidade de interagir e criar a partir de sua experiência. A atividade acontece no período da manhã e da tarde: das 10h30 às 13h e das 14h30 às 17h. Participação gratuita.

Visitas Temáticas no MON

Todos os domingos, a equipe de mediadores da Bienal oferece ao público uma visita temática com foco em diferentes curadorias, uma a cada semana. As saídas são todos os domingos de fevereiro, em dois horários: 10h30 e 15h. O ponto de encontro é o balcão de informações que fica logo após a entrada principal (próximo ao detector de metais da entrada).

You have Successfully Subscribed!