Após o Grammy que rolou no domingo (28), muitas pessoas começaram a questionar e a criticar a premiação por causa do baixo número de mulheres indicadas e premiadas. Em resposta à revista Variety sobre a questão, o presidente do Grammy, Neil Portnow, afirmou que as mulheres deveriam “se impor”.

Eu acho que tem que começar com mulheres que tenham a criatividade em suas almas e corações, que queiram ser musicistas, que queiram ser engenheiras, produtoras e queiram fazer parte da indústria no nível executivo. Elas precisam se impor porque acho que elas seriam bem-vindas”, declarou.

A declaração do presidente foi extremamente malvista e as mulheres obviamente não resolveram deixar por aí.

P!nk foi uma das artistas que resolveram dar uma resposta aberta a Portnow, através do seu Twitter:

“As mulheres na música não precisam se impor. Elas estão se impondo desde o começo. As mulheres dominaram a música neste ano. Estão arrasando, e a cada ano antes desse. Quando celebramos e honramos o talento e as conquistas das mulheres, e como elas se impõem todos os anos contra todas as expectativas, nós mostramos para a próxima geração de mulheres e garotas, de homens e garotos, o que significa ser igual e como é ser justo.”

Katy Perry, que desde 2016 começou a ser mais ativa nas questões políticas e sociais, apoiou a amiga e comentou o tweet de P!nk:

“Outra mulher poderosa dando o exemplo. Todos nós temos a responsabilidade de apontar a falta absurda de igualidade em todos os lugares. Estou orgulhosa de todas as mulheres criando arte diante da resistência contínua.”

Charli XCX, que ficou conhecida após participar da trilha sonora de “A Culpa É Das Estrelas“, também não deixou a declaração do presidente passar em vão. No Twitter, a cantora também comentou:

“Que tal pisar na sua cara… as mulheres estão criando músicas incríveis hoje em dia, do que esse cara está falando?”

Além das cantoras acima, Iggy Azalea, que está com projetos novos para 2018, também comentou o depoimento

https://twitter.com/IGGYAZALEA/status/958231630648242176

“Ao invés de serem graciosas ou de usarem rosas brancas no tapete (trazendo telespectadores para sua transmissão de TV em vestidos de grife), as mulheres deveriam considerar se nós PRECISAMOS tomar uma ação mais firme e ficarmos em casa de pijamas no ano que vem… Vejamos como isso funcionará para Neil”.