Na última terça-feira (31) aconteceu, online, a estreia do projeto Som do Arame. Idealizado pelo produtor Felipe Pazello, o projeto surgiu da vontade em promover a música através da ocupação de espaços. E o local, escolhido a dedo, é um dos pontos turísticos mais visitados de Curitiba: a Ópera de Arame. Felipe reuniu videomakers, fotógrafos, engenheiros de som, produtores culturais, amigos e entusiastas que têm em comum a vontade de contribuir para o evolução do mercado da arte e cultura independente.

Mulamba, Machete Bomb, Ni Sales e Rafael Mello, Francisco El Hombre e Cuatro pesos de Propina, foram as bandas selecionadas para a gravação da primeira temporada, que foi realizada em colaboração e sem investimento financeiro. Os artistas foram selecionados através da curadoria composta por Felipe Pazello (Cultivarte), Aline Valente (Sofar Sounds Curitiba) e Michelle Hesketh (Musicletada e Ruído nas Ruínas), que buscaram contemplar os projetos que vem se destacando no cenário regional e nacional com composições atuais e relevantes.

A partir da próxima semana, aqui no Curitiba Cult você confere entrevistas exclusivas com as bandas e no nosso site os vídeos gravados na Ópera de Arame.