A 17ª edição do Mustang Meeting reuniu ontem mais de mil pessoas entre proprietários e admiradores do veículo, na concessionária Ford Barigui, no bairro Campina do Siqueira, em Curitiba. Realizado anualmente através de uma parceria entre a Ford Barigui e o Mustang Clube do Paraná, foram mais de 70 veículos expostos desde os mais antigos, entre eles algumas raridades, até o modelos mais novos. Além disso, o evento contou com música, food trucks, exposição e venda de veículos em miniaturas.

Para Gilsilene Vicilli, Gerente de Marketing do Grupo Barigui, é uma satisfação realizar o evento todos os anos. “Para a Ford Barigui é uma honra realizar mais um Mustang Meeting com ‘mustangueiros’ apaixonados que vem nos prestigiar de várias cidades tornando o evento uma grande festa”.

De acordo com o Presidente do Mustang Clube do Paraná, Gino Luiz Strobino, o encontrou reuniu inclusive 13 carros de outras cidades e estados. “O encontro está sempre aumentando. Hoje recebemos carros de São Paulo, Belo Horizonte, Florianópolis, Joinville, Ponta Grossa e também do norte do Paraná”, destacou.

Os amantes do carro costumam dizer que nenhum Mustang é igual ao outro. Com a produção em larga escala, a montadora acabou usando componentes de outros modelos, como o capô do Maverick e o banco do Falcon, dando a ele um estilo personalizado.

Um dos carros que se destacou entre as preciosidades expostas no local foi o Nego, um Mustang da curitibana Paula Caron, customizado com mais de 6.800 cristais da Swarovski. “Eu optei por customizar com as pedras porque sou apaixonada pelas Swarovski. Mas também porque queria dar um toque feminino para ele, para que vejam esse lado feminino e saibam que esse carro é de uma mulher”, explicou.

O Mustang é um dos mais cobiçados do mundo e neste ano, comemora os 53 anos do modelo que surgiu em 1964. Atualmente, é a linha de automóvel de fabricação ininterrupta mais antiga da Ford e ainda desperta muito interesse. No local, muitas crianças, famílias, curiosos e admiradores se aglomeravam em torno dos carros com os roncos dos motores.

O atleta Luiz Marcelo, de 21 anos, visitou o Mustang Meeting pela primeira vez a convite do irmão e ficou impressionado. “O evento está show de bola, muito bem organizado, só carros lindos. Quem sabe um dia não coloco um carro meu para expor aqui?”, brincou.

Mustang

O nome do carro foi inspirado no avião de caça estadunidense P-51 Mustang, que por sua vez remete à única raça de cavalo selvagem do país e assim, o sugiu o emblema do animal ostentado na grade dianteira. A modelo exibe carrocerias cupê, fastback e conversível e destaca pelos motores V8, com potências que podem chegar a 533 cv na configuração Shelby GT350R, a mais forte da Ford atualmente.