O Museu da Fotografia, espaço administrado pela Fundação Cultural de Curitiba, recebe a partir da próxima terça-feira (25), a mostra “Horizontes Improváveis”. Realizada com o apoio do Fundo Municipal de Cultura – Edital de Ocupação de Espaços Museus,  a exposição é composta por obras de “gif art” de artistas brasileiros e estrangeiros que exploram novas formas estéticas e novas possibilidades narrativas.

Segundo o curador da mostra, Tomás Von der Osten, a ideia é  trazer a arte digital para um ambiente de museu, orientando-se assim com as principais tendências das artes contemporâneas e, portanto, abrindo novos rumos para o contexto das artes na cidade de Curitiba.

Entre os artistas estão Erdal Inci (Turquia), Max Capacity (Estados Unidos), Rick Silva (Estados Unidos), Kevin Weir (Estados Unidos), Fong Qi Wei (Singapura), Richie Hull (Inglaterra), Eduardo Montelli (Brasil), Matthew DiVitto (Estados Unidos), Gustavo Daher (Brasil), Matthias Brown (Estados Unidos), Adam Ferriss (Estados Unidos), Samantha Harvey (Inglaterra), David Ope (Hungria), Paolo Ceric (Croácia).

Atividade complementar

Além da exposição o público também poderá acompanhar no dia 16 de dezembro, às 19h, a palestra “Apropriação e Remix no Ambiente Online” com Arthur Tuoto. A atividade pretende contextualizar as relações estéticas e políticas entre imagens encontradas e obras de arte, tendo como principal foco a internet.

Museu da Fotografia traz exposição de “gif art” – Serviço

Data: de 25 de novembro (terça-feira) a 23 de fevereiro de 2015

Onde: Museu da Fotografia (Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 533, Solar do Barão – Centro)

Horário: 09 às 18h – segunda a sexta-feira / 12 às 18h – sábados e domingos

Quanto: gratuito