O ex-integrante do Engenheiro do Hawaii Humberto Gessinger se apresentou no Teatro Positivo em Curitiba no último sábado (19) comprovando que após 29 anos de carreira e 20 álbuns lançados ainda há como melhorar. Humberto trouxe ao palco não só canções recentes como o último sucesso “Tudo Está Parado” mas também músicas que marcaram época na antiga banda, como “Somos Quem Podemos Ser”, “Armas Químicas e Poemas” e “Infinita Highway”.

Humberto subiu ao palco com o guitarrista ex-Fresno Rodrigo Tavares e o baterista gaúcho Rafael Bisogno com cerca de uma hora de atraso, fato que não alterou o humor do público que lotou os 2400 lugares do teatro e cantou em plenos pulmões o show inteiro. Com um cenário simples lembrando a capa de “Insular”, o espetáculo preferiu surpreender no alcance musical com Humberto Gessinger se dividindo entre vocal, baixo, teclado, harmônicas e acordeon.

A turnê, que já havia passado por Curitiba no último ano, continua em Marechal Cândido Rondon (25) e Umuarama (26) no mês de julho. Em agosto segue para o centro-oeste e nordeste do Brasil.

Inusitado

Durante o show de Humberto Gessinger houve um pedido de casamento na plateia. Enquanto as luzes estavam apagadas, familiares acenderam celulares e iluminaram a cena com o pedido que terminou em um “sim”. A futura noiva foi surpreendida mais uma vez após o show na saída do teatro com parentes que aguardavam o casal com balões em forma de coração. A cena chamou a atenção de todos que saíam do espetáculo, rendendo até salva de palmas.

A matéria sobre o show você confere em breve aqui no Curitiba Cult.