Música 24h por dia, com diversos lançamentos e com destaque para o cenário independente  e  promoção de novos artistas. Mas claro, sem esquecer dos clássicos, afinal beber na fonte também é essencial. Esse é o universo criativo e musical da Rádio Treze ou ainda, RDTRZ como também é propagada pelos becos onde a música e a cultura habitam. E caso seja essencialmente produzida em Curitiba, melhor ainda.

Na órbita sonora há seis anos, e com o lema “a boa música não tem hora” o projeto foi idealizado pelo radialista e movimentador cultural, Guilherme Hahn. Pelas ondas digitais das plataformas por onde é possível se conectar a RDTRZ, através do Google Play e Itunes, além do próprio site, foi nos programas realizados inicialmente nos corredores da Universidade Tuiuti que a rádio surgiu. Dá época da brilhantina, durante o curso de rádio e TV na universidade, Guilherme apresentou inúmeros programas. Alguns se perderam no tempo, mas outros, saudosamente padecem na memória. “O programa mais memorável foi o “Som de Sebo”, quando eu e meus parceiros, Guilherme Chalegre e Nairobi MC falávamos sobre o vinil e toda a sua representatividade. Isso em 2008, quando estavam começando a falar na volta do tal”, relembra.

Dos estúdios da rádio no próprio centro acadêmico, a RDTRZ foi além, e hoje em dia ocupa a Casa Treze Studio, do coletivo responsável por assinar a marca de diversas empresas, tanto no Brasil quanto na gringa. E dos ares destes outros trópicos, hoje em dia, a RDTRZ além de ter sua sede na região do bairro Mossunguê, em Curitiba, a rádio também está conectada pela Europa. De Curitiba, passando por Amsterdã, da cinzenta Londres e também pelas bandas de Berlim está é a Radio Treze AirLines, no ar, todas as quintas, 21h em Curitiba e à meia-noite em Amsterdã.

AIRLINES

“A parceria gringa da radio se deu através de Igor Holzinger, amigo da Casa Treze há anos e que está morando em Amsterdã. Ele começou a ser nosso braço comercial na Europa, e de quebra veio o Enrico que estuda engenharia de som em Amsterdã e também é DJ e produtor”, conta Guilherme.

O programa de estreia contou com a apresentação de Enrico Serpa diretamente de Amsterdam, a primeira conexão musical da  RDTRZ. Paulistano criado no recife, Enrico é cidadão do mundo. O desbravador começou a sua aventura pela Califórnia e se formou no Mississippi em Marketing e Administração de empresas. Depois partiu pra Inglaterra e então, Amsterdam onde foi só pra fazer o mestrado e agora se dedicar a música. E da parceria, Guilherme conta que a ideia de fazer essa conexão com a rádio surgiu para entrelaçar de vez a cultura. Não só local e brasileira, mas do mundo.

Além da atual programação e das conexões sonoras, em março a RDTRZ estreia um novo programa que vai do sexo à música com dicas culturais e entrevistas exclusivas. “Ménage à 13” integra a grade a partir do dia 12 de março, sempre às 14h, aos sábados, com uma hora e meia de duração e transmitido ao vivo pelo site da RDTRZ e exibido simultaneamente pelo canal oficial do programa no YouTube . O Curitiba Cult bateu um papo com Guilherme Hahn o criador e mentor por trás da essência da RDTRZ confira:

ENTREVISTA  

Curitiba Cult: Como você se sente quando para para analisar e se dá conta que a RDTRZ é um dos poucos espaços que a cidade tem para promover o cenário cultural?

Guilherme Hahn: Sinto como a realização de um sonho, pois sempre quis chegar e estamos chegando aos poucos a esse nível, depois de tanto tempo acho q somente estamos começando

12369051_10201389776942953_1341041098219394915_n

Curitiba Cult: Dos programas que você apresentava ainda na faculdade, tem algum memorável, onde de repente você idealizou que trabalhar com rádio seria um ofício?

Guilherme Hahn: Quando comecei a trabalhar no estagio da faculdade, me interessei mais ainda por radio, pois tinha uma na mão, aí começou tudo. O formato da radio treze tem essa essência da faculdade veio de lá a ideia. Mas o programa mais memorável foi o “Som de Sebo”, quando eu e meus parceiros, Guilherme Chalegre e Nairobi MC falavámos sobre o vinil e toda a sua representatividade. Isso em 2008, quando estavam começando a falar na volta do tal. Nostálgico.

gui

Curitiba Cult: Como se deu essa parceria gringa com a RDTRZ?

Guilherme Hahn: A parceria gringa da radio se deu através de Igor Holzinger, amigo da Casa Treze há anos e que está morando em Amsterdam. Ele começou a ser nosso braço comercial na europa, e de quebra veio o Enrico que estuda engenharia de som em Amsterdam e também é DJ e produtor, e conhece muita gente do cenário underground da europa. Aí veio a ideia de fazer essa conexão com a radio pra entrelaçar de vez a cultura não só local e brasileira, mas o mundo.

Curitiba Cult: Qual a expectativa da RDTRZ no decorrer de 2016?

Guilherme Hahn: A expectativa, é ver o que acontece. Trazer pessoas para mostrar o seu trabalho, e cada vez mais tentar divulgar todos. A música de Curitiba, em todos os gêneros musicais estão carentes de uma mídia que realmente os valorizam, principalmente a cena independente que é cena mais forte que temos em nossa cidade.

PROGRAMAÇÃO RDTRZ
Segunda – 15h #Aovivo Groovinyl com Uhuru Selector
Terça – 17h05 AoVivo -Tcharaz Radio com Didones e Chico Han
Quarta – 15h AoVivo SMOKING TIME 4:20 | 20h30 Bam Bam Reggae
Quinta – 15h AO VIVO RDTRZ | 21h Radio Treze AirLines
Sexta – 16h20 Ao Vivo Radio Treze | 19h30 Perro Loko com Tchê

(Imagens: Reprodução)

You have Successfully Subscribed!