No dia 13 de maio, o Atelier Reptilia inaugura a exibição de obras do acervo da artista Nair Kremer que homenageiam a escritora Clarice Lispector. A exposição é uma das atividades paralelas à mostra “Preciso de Todos“, que permanecerá no Museu Oscar Niemeyer até 08 de junho.

Com cerca de 40 anos de produção, a artista expõe diferentes frentes de sua vasta obra em vários formatos e lugares, nos próximos meses, pela cidade de Curitiba. A Reptilia foi escolhida como ambiente para acolher suas homenagens à escritora pela relação mais intimista do local. “Eu acho que o espaço é delicado para receber a Clarice. A exposição vai dialogar com o ambiente: aconchegante, mais afetivo”, conta Nair. Além do acervo de obras, ela promete trazer novidades, dentre elas, intervenções em peças que serão confeccionadas em parceria com a marca para uma microcoleção.

O interesse de Nair por Clarice surgiu de forma visceral por meio de seu primeiro contato com a escrita da autora, quando estava grávida de seu primeiro filho. Sua primeira homenagem, em 1986 na galeria da Unicamp, trouxe também uma grande força para a artista, quando Berta Waldman comparou, em texto sobre a mostra, o seu processo criativo com o de Clarice. “E realmente é muito parecido”, comenta a Nair.