Quase todo mundo passa por aqueles dias de instrospecção emocional, quando a gente não quer ter que pisar fora de casa e tem vontade de colocar um tapume nas janelas para não ser perturbado. Uma das melhores formas de lidar com essas pequenas crises existenciais é chorar até. Pra te dar aquela força, separamos uma lista de 7 filmes para assistir embaixo das cobertas com pipoca quentinha e uma caixinha de lenços:

1. Filadélfia

Andrew Beckett (Tom Hanks) trabalha como advogado em um importante escritório da Filadélfia. Após descobrirem que ele é portador do vírus da AIDS, Andrew é demitido sumariamente. Ele decide, então, contratar o advogado Joe Miller (Denzel Washington) e processar a empresa. Um filme que nos confronta com a injustiça e ignorância do mundo. Esse filme rendeu o Oscar e o Globo de Ouro a Tom Hanks, que teve uma uma atuação brilhante.

2. Antes que termine o dia

Ian (Paul Nicholls) e Samantha (Jennifer Love Hewitt) formam um casal feliz e cheio de planos para o futuro. Enquanto Samantha busca demonstrar seu amor a todo momento, Ian procura voltar sua atenção para a carreira e os amigos. Após um dia em que tudo deu errado, eles terminam o namoro. Entretanto, um acidente faz com que a vida deles mude de rumo. No dia seguinte, Ian percebe que acordou novamente no dia anterior, tendo a chance de refazer tudo o que tinha feito antes, só que agora da forma correta. Não se deixe levar pelo roteiro “água com açúcar”, esse filme é capaz de te desidratar.

3. A escolha de Sofia

Trata do dilema de Sofia (Meryl Streep), uma mãe polaca, filha de pai anti-semita, presa num campo de concentração durante a Segunda Guerra e que é forçada por um soldado nazista a escolher um de seus dois filhos para ser morto. Se ela se recusasse a escolher um, ambos seriam mortos. Essa história dramática é contada em 1947 ao jovem “Stingo”, um aspirante a escritor e que vai morar no Brooklyn, na casa de “Yetta Zimmerman”, onde ele acaba tendo Sofia como sua vizinha. Vale cada lágrima derramada. Meryl também levou o Oscar e o Globo de Ouro com essa atuação.

4. Preciosa

Claireece “Preciosa” Jones (Gabourey Sidibe) é uma adolescente de 16 anos que sofre uma série de privações durante sua juventude. Violentada pelo pai (Rodney Jackson) e abusada pela mãe (Mo’Nique), ela cresce irritada e sem qualquer tipo de amor. O fato de ser pobre e gorda também não a ajuda nem um pouco. Além disto, Preciosa tem um filho apelidado de “Mongo”, por ser portador de síndrome de Down, que está sob os cuidados da avó. Quando engravida pela segunda vez, Preciosa é suspensa da escola. A sra. Lichtenstein (Nealla Gordon) consegue para ela uma escola alternativa, que possa ajudá-la a melhor lidar com sua vida. Lá, Preciosa encontra um meio de fugir de sua existência traumática, se refugiando em sua imaginação. Apenas não se esqueça da caixa de lenços.

5. A sociedade dos poetas mortos

John Keating (Robin Williams) é um professor de poesia nada ortodoxo em uma escola preparatória para jovens, a Academia Welton, na qual predominavam valores tradicionais e conservadores. Esses valores traduziam-se em quatro grandes pilares: tradição, honra, disciplina e excelência. Com o seu talento e sabedoria, Keating inspira os seus alunos a perseguir as suas paixões individuais e tornar as suas vidas extraordinárias. Você vai chorar, mas também vai sair dessa experiência com uma lição de vida.

6. O caçador de pipas

Kabul. Amir (Zekeria Ebrahimi) e Hassan (Ahmad Khan Mahmidzada) são dois amigos que participam de um torneio de pipas. Após a vitória neste dia, um ato de traição de um menino marcará para sempre a vida de ambos. Amir passa a viver nos Estados Unidos, retornando ao Afeganistão apenas após 20 anos. É quando ele enfrenta a mão de ferro do governo talibã para tentar consertar o ocorrido em seu passado. Simplesmente impossível conter as lágrimas.

7. Meu primeiro amor

Vada Sultenfuss (Anna Chlumsky), uma garota de 11 anos, é obcecada com a morte, pois sua mãe morreu e seu pai, Harry Sultenfuss (Dan Aykroyd), é um agente funerário que não lhe dá a devida atenção. O único e melhor amigo de Vada, Thomas J. Senett (Macaulay Culkin) é um menino impopular, e isso faz com que ele não tenha amigos. Suas aventuras do verão – do primeiro beijo ao último adeus – introduzem Vada ao mundo da adolescência. Obrigatório em qualquer lista de filmes emotivos. Prepara o coração porque não é fácil.

Enfim, poderíamos fazer uma lista muito maior, porém, sabemos que assim como os dias de fossa, a vontade de sofrer assistindo filmes também passa. Prepara sua pipoca e vem chorar com a gente.