Uma senha sera enviada para seu e-mail

A democracia é o tema do Festival de Cinema Europeu que a Cinemateca de Curitiba recebe a partir desta quinta-feira (10/5). A mostra faz parte da 14ª Semana da Europa, evento que celebra o dia do continente (9 de maio), data da assinatura da Declaração Schuman, considerada o início do que hoje é a União Europeia.

Serão duas sessões por dia, sempre às 17h e 19h, com entrada franca. A mostra vai até o dia 16 e exibirá 12 filmes dos seguintes países: Áustria, Portugal, Países Baixos, França, Itália, Hungria, Irlanda, Chipre, República Tcheca, Alemanha, Suécia e Dinamarca.

Raridades que dificilmente entrariam no circuito comercial serão apresentadas. A seleção apresenta títulos premiados em diversos festivais internacionais, como o filme alemão Se Não Nós, Quem?, que ganhou prêmios em festivais populares no país, incluindo uma indicação para o Urso de Ouro no 61º festival de Berlim. O drama dirigido por Andres Veiel traz a história de um casal, Bernward Vesper e Gudrun Ensslin. Os dois são filhos de pais com papéis importantes no governo Hitler. Eles se unem para abrir uma editora e dar continuidade a um trabalho iniciado pelo pai de Bernward, um famoso escritor nazista.

Já o drama Zeus, dirigido por Paulo Filipe Monteiro, mostra a plena ascensão do fascismo em Portugal, período em que Manoel Teixeira Gomes, escritor de literatura erótica e na época presidente, abandona Lisboa para viver em exilio no norte da África. O filme conta as razões que fizeram o sétimo presidente português abandonar o cargo 26 meses após a posse. A obra ganhou o prêmio de melhor ator no Festival de Cinema de Bombaim (2016), na Índia.

Serviço – Festival de Cinema Europeu na Cinemateca

Quando: de 10 a 16 de maio (exceto segunda-feira)

Onde: Cinemateca de Curitiba (Rua Carlos Cavalcanti, 1.174)

Horário: às 17h e 19h

Quanto: gratuito