Uma senha sera enviada para seu e-mail

Um dos momentos mais importantes da nossa história espacial chegou aos cinemas nesta quinta (18) em forma de cinebiografia. Trata-se da ida de Neil Armstrong à Lua e todo seu encaminhamento/concretização, sendo apresentado em O Primeiro Homem; nova obra de Damien Chazelle, contando com Ryan Gosling como protagonista.

O Primeiro Homem é um recorte visceral em primeira pessoa que explora os sacrifícios e os custos, de Neil Armstrong e da nação, a fim de completar a jornada da NASA durante o período de 1961-1969. O astronauta, que veio a falecer em 2012, foi a primeira pessoa a pisar na Lua, no comando da missão Apollo 11.

Já sendo cotado para as grandes premiações, incluindo o Oscar, o longa é roteirizado por Josh Singer;  ganhador da estatueta pelo trabalho em ‘Spotlight’, e que aqui adapta o livro homônimo de James R. Hansen. Explorando a batalha da NASA nos anos 60 para conseguir vencer a corrida espacial, depositado em Neil toda a esperança; um homem que com uma grande história para contar, e que enfim temos a oportunidade de conhecer.

Repetindo a parceria após o sucesso no premiadíssimo ‘La La Land’, Chazelle e Gosling ditam o ritmo aqui; numa produção que ainda conta no elenco com nomes como Claire Foy, Jason Clarke e Kyle Chandler. Um trabalho preciso de todos os envolvidos define esta obra, com atuações impecáveis e um toque exato do diretor; nos sentimos realmente dentro de toda a história e ficamos a par de tudo, com uma trama minuciosamente didática.

O Primeiro Homem é maravilhoso, da essência à finalização, numa direção caprichada de Chazelle e um Ryan Gosling inspirado. É uma película propositalmente arrastada, o que pode não agradar muitos, culminando na chegada à Lua; inserindo o espectador em todo o desenrolar graças às brilhantes filmagens espaciais, capazes de resgatar uma emoção única.

Trailer – O Primeiro Homem