Uma senha sera enviada para seu e-mail

No final de novembro, o Festival Saliva acontece em Curitiba com a proposta de realizar um show que una em um mesmo ambiente pessoas que dialogam com determinados conteúdos musicais. Ele traz, inclusive, Letrux como uma das atrações.

Segundo Carol Scabora, uma das produtoras do evento, “esta edição quer falar de  desejos, vivências e frustrações embriagados de arte e trazidos à tona através de propostas musicais”.

O festival é idealizado por três produtores da capital paranaense: além da Carol, André Gosmma e Vini Buzze.

Saliva (Gosmma, Carol e Vinni)

Letrux e muito mais

O evento surge através da necessidade de diálogo, seja entre artistas ou não. De novas possibilidades de criação e articulação. “Até por isso o nome Saliva”, explica Vini. “Ela é produzida pelo diálogo, quer argumentar, gastar saliva, gerar conversa boa e longa. Com diálogo, troca.”

Como atrações, a carioca Letícia Novaes traz pela primeira vez a Curitiba seu trabalho solo Letrux, “Noite de Climão”, álbum eleito o melhor disco do ano pelo Super Júri do Prêmio Multishow 2017 e denominado  como “onde a fossa dança e o gozo dói”.

Além disso, GEO apresenta seu primeiro álbum autoral, é reconhecida como uma proposta para a música brasileira e seus fãs a intitulam pelo perfil “Pop Triste”. Suas composições entrelaçam letras em português com sintetizadores e bases de hip-hop.

E tem mais! Subburbia, o duo curitibano que propõe rompimentos nas bases sonoras. Ele se define por não se encaixar em nenhuma linha musical intitulada.

Por fim, a DJ e produtora cultural Adri Menegale fortalecerá a cena musical curitibana.

“Já estamos desenhando o próximo evento, que promete ser maior e agregar em sua programação atividades formativas e rodas de discussão que visam ainda mais a troca e o diálogo, abrangendo também outras frentes de atuações profissionais”, diz André Gosmma, produtor do evento e DJ na capital paranaense.

Serviço – Festival Saliva

Quando: 29 de novembro de 2018 (quinta-feira)

Onde: Hermes Bar (Rua Engenheiros Rebouças, 1645)

Horário: 21h

Quanto:  a partir de R$40

Ingressos: Sympla

Classificação: 18 anos