Uma senha sera enviada para seu e-mail

Numa época onde filmes de super-heróis são garantia de sucesso e público, a Sony resolve entrar nessa do seu jeito; levando às telonas um vilão e transformando-o em anti-herói, e o escolhido para tal “missão” foi Venom. O resultado, do que poderia ser facilmente uma grande produção, chegou aos cinemas nesta quinta (4); e infelizmente é um longa que apesar de ter inúmeras oportunidades para brilhar, acaba se contentando com o simplório para entreter e não emplaca.

Apresentando Tom Hardy no papel de Eddie Brock, um jornalista que ao investigar uma suspeita instituição acaba entrando em contato com um forma de vida alienígena; o simbionte, como é chamado, tem o nome de Venom e toma Eddie de hospedeiro para juntos liberarem sua ira. A direção ficou para Ruben Fleischer, de ‘Zumbilândia’, contando com um roteiro escrito por cinco colaboradores.

Venom é um dos maiores vilões do Homem-Aranha e é conhecido por ser extremamente violento/assustador,; características que supostamente seriam destacadas no filme em uma classificação etária para maiores de idade. O que não acontece e acabamos por acompanhar uma aventura bem dizer cômica sem sentido algum a não ser o de apresentar sob qualquer custo o protagonista.

É importante ressaltar que Venom não faz parte do Universo Cinematográfico Marvel criado pela Disney; e sim uma produção isolada da Sony. Dito isso, vem a questão de que Venom parece um filme totalmente perdido e sem nexo; distante de tudo que vimos recentemente e mostrando que a evolução no “gênero” não chegou aqui.

Não é que Venom seja um filme terrível, é apenas fraco e nada funcional em seu desenvolvimento. É uma obra de rasos 90 minutos, picoteada durante o processo produtivo, elaborada para tentar agradar o público (pode até conseguir, pois possui algumas boas cenas de ação e válida interação entre as personalidades) e o custo disso é alto; custou uma produção com potencial gigantesco e que acabou assim, fadada ao entretenimento barato e despreocupada com a real qualidade.

Trailer – Venom