Uma senha sera enviada para seu e-mail

Levou muito tempo para que eu criasse coragem e me sentisse confortável em escrever para você. Tivemos os nossos desentendimentos e até mesmo nos distanciamos, de uma forma ou outra. Porém, como tudo costuma acontecer no momento certo, hoje é grande o carinho que sinto por você, e esconder isso seria tolice.

Foi difícil. Sei que você passou por momentos tristes em que desistir parecia o mais correto. Existiu silêncio, e depois veio o choro. Lembro quando você me perguntava o motivo pelo qual estava passando por isso tudo, e poucas eram as vezes em que eu conseguia te responder com segurança. Contudo, você se manteve firme e seguiu. Afinal, a vida é assim mesmo: uma constante prova.

É isso que admiro em você. A sua coragem de entrega, a sua falta de medo em arriscar. Você sempre foi muito impulsivo e intenso quando se tratou de amor, e acho que é por isso que sempre terminou machucado. Mas quer saber? A gente aprende. E amar demais nunca foi um erro.

Hoje eu posso dizer que gosto muito da pessoa que você se tornou. Na verdade, da pessoa que eu me tornei. Eu sei, pode até parecer egoísmo, mas é que depois de tanto tombo, eu finalmente aprendi: o amor da minha vida sou eu.