Uma senha sera enviada para seu e-mail

O rock é um dos gêneros musicais que mais exerce influência sobre cultura, linguagem, estilo de vida, moda, comportamento… Enfim, ninguém pode negar o impacto social gerado pelo rock. São tantos estilos diferentes dentro de um mesmo gênero (afinal, o rock alcança desde o emo até o metaleiro) que é impossível encontrar alguém que não tenha uma paixão incontrolável por pelo menos uma banda de rock ou que não cantarole um solo de guitarra famoso debaixo do chuveiro vez ou outra.

Por todos esses motivos, é mais do que justo que haja um dia especial em homenagem a esse gênero musical incrível – e esse dia está chegando. Nesta sexta-feira, 13 de julho, é comemorado mais um Dia Mundial do Rock. Além de curtir o festival que vai rolar na Usina 5, no dia 14 (leia mais), você também pode seguir a nossa listinha e ouvir estas 10 bandas (mais o bônus) que merecem ser lembradas no Dia do Rock.

Pink Floyd

Com sua música psicodélica e progressiva, a banda britânica foi formada em Londres, no ano de 1965. Assim como muitas bandas reconhecidas que fizeram sucesso entre os anos 60 e 70, Pink Floyd se tornou popular tocando no cenário underground da capital inglesa. Os integrantes originais foram Syd Barrett (vocal e guitarra), Nick Mason (bateria), Roger Waters (vocal e baixo) e Richard Wright (vocal e teclado). David Gilmour entrou em 1967, enquanto Barrett saiu no ano seguinte. Foram 15 álbuns de estúdio gravados; dentre os mais notórios, estão The Dark Side of the Moon (1973), Wish You Were Here (1975), Animals (1977) e The Wall (1979). O mais recente foi lançado em 2004 e se chama The Endless River. Parada desde 1996, a banda voltou às atividades em 2013 e, agora, conta apenas com Mason, Waters e Gilmour.

Metallica

Metallica foi formada em 1981 por James Hetfield (vocal e guitarra base) e Lars Ulrich (bateria), que, hoje, ao lado de Kirk Hammett (guitarra) e Robert Trujillo (baixo), integram a atual formação da banda. O grupo do estado norte-americano da Califórnia é considerado um dos pioneiros do thrash metal (subgênero do heavy metal caracterizado pela musicalidade agressiva e tempos rápidos) e compõe o “Big Four of Thrash” – nome dado ao conjunto das quatro bandas que iniciaram e popularizaram o gênero musical – juntamente a Slayer, Megadeth e Anthrax. A banda acumula diversas vitórias em premiações de música; algumas delas foram nove Grammy Awards e três Billboard Music Awards. Ao todo, foram gravados quatro álbuns ao vivo e dez álbuns de estúdio.

Queen

Banda britânica recordista de vendas de discos, Queen foi fundada em Londres em 1970 e esteve ativa até 1991, ano da morte do vocalista Freddie Mercury. Além dele, faziam parte do grupo Brian May (guitarra e vocais), John Deacon (baixo) e Roger Taylor (bateria e vocais). Vários subgêneros do rock compunham o repertório, como hard rock, pop rock e rock progressivo, o que pode caracterizar Queen como uma banda um tanto quanto eclética. As performances teatrais de Freddie Mercury (cujo nome real era Farrokh Bulsara e que, ao contrário do que se acredita, não era britânico, mas da Tanzânia) eram um dos marcos da banda. Foram gravados 15 álbuns, sendo o último, Made In Heaven, lançado após a morte de Mercury, em 1995, como uma homenagem póstuma feita pelos demais integrantes. Nele, foram utilizados vocais previamente gravados do cantor.

Led Zeppelin

Lez Zeppelin foi uma banda britânica fundada em Londres, em 1968. Faziam parte da formação Jimmy Page (guitarra), Robert Plant (vocal), John Paul Jones (baixo e teclado) e John Bonham (bateria). Suas músicas, que trazem o som pesado da guitarra, foram criadas a partir de influências do blues, principalmente, e de outros gêneros musicais tais como rock psicodélico, folk, jazz e country. O grupo possui oito álbuns de estúdio e quatro álbuns ao vivo; o último leva o nome Coda e foi lançado em 1982. Uma das obras mais populares do grupo é o quarto álbum (sem título), que traz a famosa música Stairway to Heaven. Com a morte de Bonham, em 1980, chegou o fim da banda.

The Rolling Stones

Uma das bandas de rock de maior sucesso e longevidade, The Rolling Stones é conhecida pela rebeldia, irreverência e demais características relacionadas à contracultura – movimento de contestação social voltado à cultura alternativa ou underground. O grupo, formado em Londres, em 1962, conta com 29 álbuns de estúdio e 10 álbuns ao vivo. O mais recente, Blue & Lonesome, foi lançado em 2016. A formação atual consiste em Mick Jagger (vocal e guitarra de apoio), Keith Richards (guitarra principal e vocais de apoio), Charlie Watts (bateria) e Ron Wood (guitarra de apoio, baixo e vocais de apoio).

The Jimi Hendrix Experience

Rock psicodélico, blues rock, acid rock e hard rock são os subgêneros mais presentes nas músicas de The Jimi Hendrix Experience. A banda foi formada, a princípio, para acompanhar Hendrix, mas não se deteve nisso. Em sua curta trajetória, de 1966 a 1969, lançou três álbuns de estúdio (Are You Experienced?, Axis: Bold as Love e Electric Ladyland) que obtiveram muito sucesso. O grupo era composto pelo americano Jimi Hendrix (vocal e guitarra) e pelos ingleses Noel Redding (baixo e vocal) e Mitch Mitchell (bateria). The Experience entrou para o Hall da Fama do Rock and Roll em 1992.

Van Halen

Formada em 1974 na Califórnia, Van Halen é uma banda de hard rock fundada pelos irmãos holandeses Eddie Van Halen (guitarra) e Alex Van Halen (bateria). Uniram-se ao grupo David Lee Roth (vocal) e Michael Anthony (baixo). Ao todo, Van Halen já vendeu mais de 90 milhões de cópias de discos ao redor do mundo. Aqui, no Brasil, o álbum Balance, de 1995, conseguiu certificado de ouro. Fazem parte da discografia 12 álbuns de estúdio; o último, lançado em 2012, leva o nome de A Different Kind of Truth.

Nirvana

Nirvana foi fundada em 1987 por Kurt Cobain (vocal e guitarra) e Krist Novoselic (baixo) em Aberdeen – cidade do estado de Washington. Em sete anos de atividade, lançaram três álbuns de estúdio, sendo que o de maior sucesso foi Nevermind (1991), disco que contém o famoso single Smells Like Teen Spirit, que se tornou uma espécie de hino da juventude da época. No fim dos anos 80 e início dos anos 90, Nirvana ganhou notoriedade como parte da cena grunge da capital Seattle. Dentre os diversos bateristas que passaram pela banda, o mais conhecido – e que ficou por mais tempo – foi Dave Grohl, atual vocalista e guitarrista da banda Foo Fighters (que, aliás, lançou um álbum sensacional no ano passado). O fim da banda veio com a morte súbita (e controversa) de Kurt Cobain em 1994. O último álbum gravado, In Utero, de 1993, é conhecido por seu teor contrário ao sistema e ganhou certificado de ouro no Brasil.

AC/DC

Formada em 1973 em Sydney, Austrália, AC/DC é umas das mais bem sucedidas bandas de rock and roll. Os fundadores foram os irmãos Malcolm e Angus Young, mas, hoje, a formação consiste em Angus Young (guitarra solo), Stevie Young (guitarra rítmica e vocal de apoio) e Chris Slade (bateria e percussão), além de Axl Rose (vocalista convidado desde 2016). Dentre as conquistas da banda – que possui 14 álbuns de estúdio – podemos destacar a nomeação no Hall da Fama do Rock n’ Roll em 2003 e a vitória na premiação de Melhor Performance de Hard Rock, no Grammy de 2010, com a música War Machine.

Guns n’ Roses

Guns n’ Roses foi fundada em Los Angeles, na Califórnia, em 1985. Appetite for Destruction, seu primeiro álbum de estúdio, é o álbum de estreia mais vendido da história da música, com 33 milhões de cópias vendidas em todo o mundo. Hoje, contam com seis álbuns de estúdio (o último, lançado em 2008, é Chinese Democracy) e diversos prêmios e nomeações. A formação atual consiste em Axl Rose (vocal e piano), Slash (guitarra e vocais de apoio), Richard Fortus (guitarra rítmica e vocais de apoio), Duff McKagan (baixo e vocais de apoio), Frank Ferrer (bateria), Melissa Reese (teclados e vocais de apoio) e Dizzy Reed (teclado, piano, percussão e vocais de apoio).

Bônus: The Beatles

É claro que o quarteto queridinho de Liverpool não poderia ficar de fora da lista. Formado em 1960, The Beatles é conhecido por seu impacto na revolução do rock e por ter criado canções que muitas pessoas, mesmo as nascidas após o fim da banda, sabem na ponta da língua. A partir de 1962, a banda era formada por John Lennon (guitarra rítmica e vocal), Paul McCartney (baixo, piano e vocal), George Harrison (guitarra solo e vocal) e Ringo Starr (bateria e vocal). A crescente popularidade do grupo era chamada pela imprensa britânica de “Beatlemania”. O fenômeno não se conteve apenas no Reino Unido – The Beatles se tornou a banda mais vendida na história da música. Foram, no total, 13 álbuns de estúdio, sendo Let It Be (1970) o último. O fim do quarteto ocorreu em 1970; depois disso, cada músico iniciou sua própria carreira solo. Lennon foi assassinado em Nova Iorque em 1980, Harrison faleceu em decorrência de um câncer em 2001, McCartney e Starr continuam ativos na música até os dias de hoje.